vidros
vidros

cidadão do céu

publicado em 15/09/2015
compartilhe:

Para muitos de nós, a ideia de sermos cidadãos do céu, apesar de continuarmos vivendo na terra (Colossenses 3:1-4), é equivalente a dizer que temos uma mansão em um bairro de alto padrão, embora moremos em um abrigo para pessoas sem teto. Não conseguimos assimilar o conceito de que somos cidadãos do céu. Afinal de contas, nunca estivemos lá.
É por isso que precisamos ver as coisas pelos olhos da fé. À medida que aprendemos a colocar a nossa fé em Jesus, aos poucos fica mais evidente que este mundo nada mais é do que um campo de treinamento para a eternidade. É através de um novo olhar, iluminado pela verdade de Deus, que conseguimos ter alguns vislumbres do reino celestial. E a ideia de que não fazemos parte deste mundo passa a ser muito mais fácil de ser assimilada.
Quando entendemos quem somos em Cristo, começamos a olhar para a vida a partir da perspectiva de Deus.
Ao fazer isso, nossas mentes são transformadas e as decisões que tomamos se alinham melhor com a vontade de Deus para as nossas vidas.


“Portanto, se já ressuscitastes
com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus.
Pensai nas coisas que são de cima,
e não nas que são da terra;
Porque já estais mortos, e a vossa vida está
escondida com Cristo em Deus. Quando Cristo, que é a nossa vida, se manifestar, então também vós vos manifestareis com ele em glória.”

Colossenses 3: 1-4


<< voltar